< Insights

Kubernetes (K8s): o que é, quais suas vantagens e sua importância 

  • DevOps
  • Artigo

Você já ouviu falar em Kubernetes? E em containers? Ambos são conceitos da área de DevOps e tem como função facilitar a vida dos desenvolvedores de software. Vamos nos aprofundar mais sobre esses conceitos no decorrer do texto.

O que é Kubernetes?

O Kubernetes é um sistema de código aberto que configura e gerencia de forma automatizada aplicações em containers.

Com o aumento da necessidade de realizar melhorias sem interrupção, surgiu a técnica de conteinerização. Assim, as atualizações que antes causavam a pausa do sistema, agora podem ser alteradas através dos containers. Isso porque, essa tecnologia empacota as aplicações e isola diferentes pedaços do software, de modo que o desenvolvedor consiga realizar alterações sem afetar a funcionalidade e a estabilidade das outras aplicações.

E qual o papel do Kubernetes nesse processo? Ele é a plataforma responsável por gerenciar os containers, atuando no controle de alocação de recursos, no gerenciamento de tráfego de aplicações em nuvem e microsserviços. Ele permite que o desenvolvedor de software defina exatamente como, quando e onde as aplicações baseadas em containers serão atualizadas.

O que são containers?

Para entender Kubernetes, também é necessário conhecer o que são containers. Essa tecnologia pode ser definida como um bloco de processos que são organizados de forma isolada no sistema. Os containers são portáteis e consistentes durante toda a migração entre os ambientes de produção, de testes e de desenvolvimento.

Assim, é possível concluir que o Kubernetes é um sistema open source que tem o papel de automatizar as operações dos containers em aplicações de software. Com isso, a maior parte dos processos manuais de implementação dos containers é eliminada, além da plataforma ser perfeita para hospedar aplicações nativas da nuvem. A plataforma também viabiliza a comunicação entre os clusters, que são conjuntos de elementos físicos e virtuais de dois ou mais sistemas.

Como o Kubernetes funciona?

É muito mais fácil implementar uma infraestrutura baseada em containers com a utilização do Kubernetes, já que o propósito da plataforma é automatizar todas as tarefas operacionais. Isso possibilita que os containers realizem atividades de outros sistemas e economizem a utilização deles. Em suma, o Kubernetes tem como funções: 

  • Orquestração de containers em múltiplos hosts;
  • Controle e automatização de atualizações das aplicações;
  • Escalabilidade das aplicações e recursos dos containers;
  • Autorecuperação e verificação da integridade das aplicações;

O que é possível fazer com o Kubernetes?

O Kubernetes possibilita que os aplicativos sejam executados em ambientes locais, nuvens públicas e ambientes híbridos. A velocidade de desenvolvimento também é potencializada pois os aplicativos são criados com base em microsserviços nativos da nuvem, que dão suporte a pacotes de containers inseridos em aplicações. Outro ponto positivo, é ser uma plataforma maleável, nesse sentido, os desenvolvedores conseguem ajustar o tamanho de um cluster para executar serviços específicos.

Por que usar Kubernetes?

Na atualidade, as aplicações demandam de muitos pacotes de containers que são implantados em vários hosts de um servidor, essa configuração torna a segurança deles complexa. Entretanto, ao utilizar Kubernetes, o gerenciamento e orquestração de containers são facilitados, já que ele possibilita escalar e gerenciar a integridade dos containers, além de disponibilizar a criação de serviços de aplicações que abrangem múltiplos containers. De forma resumida, o Kubernetes é essencial para aprimorar a segurança de TI.

Vantagens do sistema

A principal vantagem de implementação do Kubernetes é a capacidade em orquestrar containers. Entretanto, ele também traz benefícios no desenvolvimento e estabilidade das aplicações. Conheça os principais a seguir.

Flexibilidade

Kubernetes é extremamente flexível, funcionando em qualquer tipo de execução de containers. Outro fator que torna ele fluido é o fato de poder ser utilizado em qualquer tipo de ambiente, como nuvens públicas, infraestruturas locais ou híbridas.

Multicloud

A portabilidade de Kubernetes permite hospedar workloads executáveis em nuvens únicas ou até mesmo em múltiplas nuvens. É uma plataforma que viabiliza o escalonamento da infraestrutura de aplicações.

Experiência do usuário

Kubernetes evitam que erros invadam outras funcionalidades, pois isola cada uma dentro da sua própria aplicação. Essa ferramenta também é capaz de reduzir o tempo de recuperação, tornando a experiência do usuário melhor.

Controle

O Kubernetes é uma plataforma que disponibiliza maior controle do sistema aos desenvolvedores, possibilitando o foco no resultado final ao invés de se preocupar em questões específicas, como implementações.

Segurança

Por meio de criação de imagens protegidas, a implementação de containers ocorre de forma segura, assim conservando as aplicações.

Desvantagens do sistema

Vimos acima que existem diversas vantagens em utilizar Kubernetes no gerenciamento de containers. Entretanto, existem algumas desvantagens:

  • Complexidade de migrações de containers;
  • Complexidade na instalação e configuração;
  • Clusters não automatizados são complicados de serem implementados manualmente.

Kubernetes vs. Docker

Kubernetes e Docker não são a mesma coisa, mas ambos são tecnologias open source e baseadas em nuvem. Enquanto Kubernetes executa os aplicativos em containers em um cluster (múltiplos nós), Docker empacota os aplicativos em apenas um nó. São plataformas distintas mas que podem ser utilizadas em harmonia. O Docker é recomendado para projetos menores, já o Kubernetes que tem a mesma função que o módulo Docker Swarm, pode abranger a manutenção de toda uma empresa. 

Se interessou pelo tema? Deseja implementar algum desses conceitos? Conte com a Objective para potencializar seus negócios! Com um time altamente qualificado e repleto de especialistas, podemos te ajudar nesse desafio. Conheça as ofertas de DevOps.

Insights do nosso time

Obtenha insights do nosso time de especialistas sobre metodologias de desenvolvimento de software, linguagens, tecnologia e muito mais para apoiar o seu time na operação e estratégia de negócio.